Artigos de opinião e a importância do posicionamento

opinion articles Artigos de opinião e a importância do posicionamento

Escrever artigos de opinião para publicação na imprensa pode revelar-se numa excelente estratégia para posicionar-se a si e à sua organização como especialista na sua área de atuação.

Estes artigos, ou colaborações editoriais, são textos em que, como o nome indica, poderá expressar a sua opinião sobre determinado tema, ajudando-o a ganhar uma posição de relevância junto dos seus pares.

Se gere o departamento de marketing de uma empresa, esta é uma das estratégias do marketing de conteúdo que não deve descurar. É claro que também é importante manter um blog atualizado com artigos de interesse para a sua área de atuação, mas, além disso, é importa fazer com que a nossa palavra chegue mais longe, daí o foco em artigos de opinião que possam ser publicados nos meios de comunicação social.

Mas quais são, então, as vantagens de publicar artigos de opinião nos media?

  • Abrangência e visibilidade – Em primeiro lugar, a proporção que aquele artigo poderá tomar. Ao publicarmos algo no nosso blog, à partida vamos impactar o público que já nos segue regularmente e conhece o nosso trabalho. Contudo, quando publicamos um artigo de opinião na imprensa estamos a impactar o público desse meio, que pode inclusivamente não o conhecer a si ou ao seu trabalho. Aqui, está a aumentar as possibilidades de tornar o seu trabalho conhecido e visível aos olhos do grande público;
  • Reputação – um bom artigo, bem argumentado, irá ajudá-lo a melhorar a sua reputação junto da opinião pública;
  • ‘Serviço público’ – Por fim, ao escrever para um meio externo à sua organização, está a dar o seu contributo para uma discussão alargada sobre um tema que é do interesse de todos.

Como posso escrever um bom artigo de opinião?

Parece (e é) cliché, mas comecemos pelo básico. Deixamos aqui alguns conselhos para escrever um bom artigo de opinião:

  • Conhecimento de causa – Não escreva sobre aquilo que desconhece. Foque-se num tema que seja importante na área em que é especialista e que seja suficientemente polémico para gerar uma discussão que seja valorizada por quem o lê
  • Adaptação do discurso – Ao contrário do que acontece quando escrevemos para o nosso blog, quando escrevemos para um meio externo não conhecemos a audiência que estamos a impactar. Assim, é fundamental adaptar o discurso: opte sempre por termos menos técnicos e mais generalizados, de forma a que o conteúdo do seu texto seja o mais claro possível. Contudo, se estiver a escrever para um meio mais técnico, poderá também adaptar a linguagem para que tenha maior impacto sobre os outros especialistas na área;
  • Título apelativo – tal como acontece nas notas de imprensa, o título é o primeiro impacto do seu artigo. Certifique-se de que ele é suficientemente forte – quiçá polémico – para captar a atenção dos leitores logo de início;
  • Argumentação sustentada – Não basta escrever aquilo que pensa, deve sempre fundamentar os seus argumentos com pontos válidos, recorrendo a fontes fidedignas de informação para sustentar a sua argumentação;
  • Contra-argumentação – Não se cinja apenas ao seu ponto de vista. Há várias visões sobre um determinado tema e abordá-las também, por muito que não concorde com elas, poderá enriquecer o seu artigo;
  • Coerência – seja coerente nos argumentos apresentados. É muito importante manter a sua visão sobre o assunto, especialmente se escrever uma coluna fixa para um determinado meio, pois os seus leitores não terão certamente memória curta.

Estes são alguns pontos nos quais deve focar-se para escrever um bom artigo de opinião. No fundo, se se apresentar como mais uma voz ativa sobre temas relevantes e fraturantes para a sua área de atuação e se for coerente com a sua linha de pensamento, conseguirá ganhar visibilidade junto dos seus pares e daqueles que seguem de perto os temas do seu setor de atividade. Será visto como um especialista e a sua reputação aumentará exponencialmente.

Pronto para elevar os seus conhecimentos e torná-los públicos? Contacte-nos se deseja criar uma estratégia de conteúdo.

Até breve!

Rita Justo, press officer na Media em Movimento

Fontes:

Resultados digitais

Mundo e educação